Vazamento de água causa sérios prejuízos no plenário da Câmara

0

 

foto da câmara -2

Diante da iminência de desabamento o presidente mandou retirar o que restou do forro

foto da câmara

Parte do forro desabou em cima da mesa diretora ocasionado pela água que veio da  do andar superior.

Um vazamento de água durante a noite de 08 de agosto na residência que fica no andar superior do prédio onde funciona a Câmara Municipal de Curralinho inundou o plenário causando o desabamento de parte do forro de gesso e comprometendo o resto que diante do perigo de cair foi ordenada a sua retirada pelo presidente Jair do Socorro Pinheiro Reis, causando com isso a suspensão da sessão ordinária que seria realizada na sexta-feira dia 19 de agosto.

O presidente ao ser informado pelos funcionários do ocorrido comunicou a promotoria de justiça para quem a residência tinha sido cedida e foi informado que a mesma já havia sido devolvida a prefeitura, faltando apenas a retirada de objetos que deverão ser doados segundo informou uma funcionária da Promotoria de Justiça que trabalha no município que se dispôs a abrir a casa que está a alguns meses fechada.

O presidente e o assessor jurídico da Câmara Dr. Hideraldo Tavares foram a delegacia registrar ocorrência e solicitar que seja feita perícia para apurar de quem foi a responsabilidade pelo fato ocorrido.  Com a impossibilidade de realizar a sessão, Jair Reis baixou Portaria  de nº 053/2016, interditando o prédio e suspender temporariamente os trabalhos legislativos (ver íntegra na aba Legislação).

 

Compartilhar:

Os comentários estão fechados.

Acessibilidade
Acessibilidade